Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




TIA - Exhibit #3

por Claudia, em 10.10.14

Andar na samba à noite implica levar com máximos sem dó nem piedade, quais médios...

IMG_4963

 

... e reviver o saturday night fever com um local a apanhar boleia de uma candonga, de patins!!!

IMG_4969.JPG

 Ah just a regular week night out!

  

Tags:

Wishlist #1

por Claudia, em 09.10.14

Este meu retiro africano tem criado em mim o hábito de ver online aquilo que uma visitinha ao shopping resolveria, levando-me a criar toda uma lista de futuras compras (ou não!). A nova colecção da Furla apaixonou-me, quero quase todas!

CORTINA Shoulder bag

Alice Satchel

DOLLY Satchel

TWIGGY Satchel

PIPER bag

METROPOLIS mini bag

Furla5

Furla4

 

 Fica a sugestão!

 

 

TIA - Exhibit #2

por Claudia, em 09.10.14

Há uma tendência natural do ser humano para se desleixar com o conhecido, isto é, enquanto perante algo novo nos mantemos em estado de alerta, atentos a tudo à nossa volta e sem grandes aventuras, com o passar do tempo vamo-nos sentindo confortáveis e seguros, afinal nunca nada nos aconteceu. Hoje relembraram-me o quão perigoso isso pode ser num país como este. Todos os dias tenho boleia do trabalho para casa, literalmente de porta a porta. Ora, eu gosto bastante de andar, está bom tempo, e o meu condomínio é habitualmente tranquilo, inclusive avisto sempre várias criancinhas a brincar no parque perto da piscina, com as mães e babás por perto em amena cavaqueira. Como tal, hoje pedi ao motorista para me deixar à entrada do condomínio, não tem mal, eu vou a pé até casa. Resposta - e se passa alguém quando estiveres a sair do carro e te puxa o computador? Pois é minha gente, nesta terra isto acontece. Never a dull moment de facto.

Tags:

TIA - Exhibit #1

por Claudia, em 09.10.14

Uma Universidade aparentemente normal...

IMG_4175.JPG

 ... não fosse o segurança armado a rondar!

IMG_4173.JPG

Ah a vida de estudante!

Ps - prometo que a qualidade das fotos irá melhorar, este fim-de-semana chega a nossa Canon do coração!

Tags:

Take I

por Claudia, em 09.10.14

Pois é, finalmente entrei nesta moda que são os blogs!

Sinceramente, não sei em que categoria me insiro, pois não me vou focar somente em moda, gastronomia ou viagens, este cantinho será o meu escape desta realidade sui generis em que vivo, a minha forma de partilhar as minhas ideias e vivências, um pouco de tudo!

Saí do meu cantinho à beira-mar plantado há sensivelmente dois meses e meio, e damn I miss it! De qualquer modo, há pontos positivos nesta nova vida:

- Finalmente iniciei a "vida de casada", e tem corrido lindamente!

- O ritmo de trabalho aqui é absolutamente divino. Se fosse assim em Lisboa, com este ordenado e estes horários, era para lá de perfeito... Ok que estou no início, e ainda me sinto a aprender e a evoluir, portanto all is good, mas realmente o worklife balance aqui funciona e estou muito satisfeita!

- O tempo livre tem despertado em mim uma verdadeira Martha Stewart, que eu desconhecia, mas que tem sido muito apreciada - pelos nossos estômagos ahah

- O clima aqui é realmente bom, ao menos está sempre sol

- Não há regras de condução, é o verdadeiro Texas (adoro a liberdade!), os italianos são uns meninos ao pé disto... desde guiar em sentido contrário, criar três faixas quando só existe uma, levar o quintuplo da carga e sem quaisquer condições mínimas de segurança, esgotos sem tampa no meio da estrada, carros sem luzes (à noite ou mesmo de travagem e marcha-atrás), buracos maiores que o grand canyon, etc etc 

- Cada dia é uma aventura: o rádio é uma comédia - há letras hilariantes, além dos comentários dos locutores -, ir a um restaurante é sempre um risco - ou porque passamos mal depois, ou porque os empregados não têm vontade de trabalhar, então inventam que não há sobremesa nem café e portanto temos de ir embora, sim isto textualmente já nos aconteceu-, o trânsito é caótico e imprevísivel, vende-se de tudo na estrada - cabeças de boi, tampas de sanita, peixe seco, piscinas insufláveis, you name it. Há sempre uma qualquer surpresa na esquina, como as wc que encontrei no meio da cidade outro dia!

No meio disto tudo há coisas menos simpáticas, mas com as quais uma pessoa aprende a lidar:

- Falham serviços que consideramos absolutamente básicos em Portugal, como a electricidade e água (já me habituei a ter cortes de energia pelo menos três vezes por noite, espero os segundos que o gerador leva a ligar e já está, só é chato quando acontece a meio do banho; também já estou pro a usar baldes de água como autoclismo no trabalho, e a lavar as mãos c água engarrafada), para não falar da net que tem alturas em que leva horas a enviar um email ou a sacar uma série

- Há rupturas de stock que não lembram ao diabo (pelo que o B. se queixa muito que a mulher acumula stocks ridículos na dispensa...). Outro dia corremos 4 supermercados por causa de limões, nem um para amostra, ou chocolate para culinária, ou lenços de papel

- Os preços são escandalosos. Queijo aqui vende-se ao preço do ouro, serviços de estética então são proibitivos - 80 usd para esticar o cabelo, só se fosse louca; 50 usd para uma simples manicure, pois claro!

O melhor é mesmo o tempo livre a dois, as idas à praia e a bons restaurantes (que, por acaso, não faltam), os poucos jantares/convívios que vamos tendo com amigos.

O rapidíssimo ponto de situação (aka pds) está feito. Feel free to comment!

Talk to you soon.

 

Pág. 12/12



Mais sobre mim

foto do autor


Instagram

view my food journey on zomato!



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D