Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A sério. #6

por Claudia, em 13.05.15

Há gente mesmo parva neste mundo. Este vídeo mexeu com os meus nervos de uma forma inacreditável. Se for para isto prefiro não ser Mãe. Há tanto para dizer que vou cingir-me a tópicos (já perceberam que hoje deu-me para isto):

  1. O que leva uma pessoa a bater noutra com prazer é algo que me escapa e assusta, especialmente tratando-se de jovens com muitas outras coisinhas bem mais interessantes para fazer, mas que preferem juntar-se e agredir um pobre coitado, parecendo divertir-se bastante enquanto o fazem, com pausas dramáticas, risinhos e outras parvoíces.
  2. O rapaz lá se controla apesar das chapadas e murros que as duas raparigas lhe dão, provando que a boa educação prevalece embora seja rara, mas fazendo-me questionar se vou efectivamente ensinar os meus rapazes a não baterem em meninas ou se tamanha estupidez merece uma chapada bem dada. Outra explicação é que ele podia estar com medo de apanhar de todo o grupo se tentasse ripostar, até porque uns atrasados mentais diligentes rapazes até ajudam a segurá-lo para a matrafona-mor lhe bater mais à vontade
  3. Que uma pessoa que seja forte e isso intimide os restantes é natural - se eu visse um armário humano à minha frente se calhar também baixava a bolinha. Agora acharem-se as/os maiores quando são tipo dez contra um, não percebo. 
  4. O aspecto, nível e palavreado daquele grupo são aterradores! Se é para isto que Portugal caminha, Passos desiste já, não há nada a fazer, o país vai mesmo afundar. Miúdas desta idade a dizerem palavrões como quem diz olá, meias desnudas, gente brega que devia era estar fechadinha a aprender português e a ser gente de valor.
  5. Não obstante, lá estavam os ténis de marca e o telefone certamente bom.

A sério!!!!!!!! Deus queira e permita que eu consiga criar filhos equilibrados, educados, repeitadores, interessantes, que apreciem a família e sejam boas pessoas. Se me fizerem uma coisa destas eu morro de desgosto. Não sem antes lhes distribuir umas valentes chapadas, que a Mãe também as sabe dar. E antes que comecem já com a história do "coitadinhos, a culpa não é deles, não lhes ensinaram melhor" parem já, pois com esta idade já têm muito boa cabecinha para distinguir o certo do errado. Essa desculpa não dura para sempre.

 

Já agora, alguém me explica o que o pobre rapaz fez?

 

*Actualização* - segundo o Expresso o rapaz namorava com as duas raparigas ao mesmo tempo! ahahah apraz-me dizer que ele tinha mau gosto! E se calhar uma ou outra chapada até foram merecidas :)

 


1 comentário

Imagem de perfil

De marrocoseodestino a 13.05.2015 às 16:42

Acabei de ver o vídeo num outro blog e ainda tenho o coração acelerado.
Gente, não aquilo não pode ser chamado de gente.
Gostaria de lhes poder dar muitas palmadas naquelas fuças até os dentinhos saltarem.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Instagram

view my food journey on zomato!



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D