Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




TIA - Exhibit #7

por Claudia, em 17.10.14

Bom, antes de mais quero começar por dizer que em apenas algumas horas já estou fã do Rio! Hoje vamos visitar o Cristo Redentor e o Pão de Açúcar, estou ansiosa! Mas isso será tema para os próximos dias... Hoje quero partilhar a minha aventura de ontem até embarcar para o Rio. O voo era às 10:30, pelo que a viagem até lá calhava bem na hora de ponta absolutamente caótica de Luanda. Como tal, pedi para me apanharem às seis da manhã. Demorámos duas horas a chegar ao aeroporto, um percurso de cerca de 15km (a época das chuvas já começou, o que ainda agrava). Nessas duas horas vi um acidente, vários "quase acidentes", e ouvi na rádio falar de outros tantos (só na via expresso tinha havido um despiste de um camião chinês que tinha bloqueado tudo - by the way, os chineses aqui são loucos, não sabem mesmo guiar, há imenso acidentes com camiões deles). No meio do caos habitual (duas faixas transformadas em quatro e muitas manobras surreais), houve uma coisa distinta que me impressionou. Estava a chover e não vi um guarda-chuva, UM. As pessoas andavam à chuva, atravessavam a estrada calmamente à chuva, algumas vestidas de forma simples e de chinelos, mas outras arranjadas para trabalhar, e até homens de fato nas motas, todos completamente encharcados. Pode parecer irrelevante, mas foi mesmo estranho, parece que vivem numa simbiose com o meio que os rodeia e adaptam-se. Nós, europeus, fazemos trinta por uma linha para evitar umas gotas - desde jornais e mochilas em cima da cabeça, a andar a saltitar de pedra em pedra para não molharmos os sapatos, já vi inclusive quem pague a rapazitos para os carregar do carro até à entrada do edifício (formam-se autênticos rios no centro de Luanda). E eles, impávidos e serenos. Formas completamente diferentes de encarar a vida, até nas coisas mais simples e insignificantes.

 

Duas faixas Luanda style

image.jpg

 Sagres com swag (e um autocarro regional avariado, estando os passageiros e bagagem no meio da estrada à chuva)

 

image.jpg

O que é formatizar um documento?

image.jpg

 

Entretanto, quando cheguei ao aeroporto tive uma surpresa muito boa - foi tudo super rápido e eficiente, sem atrasos, de tal forma que entrei na zona de embarque duas horas antes do voo. Deambulei pelas poucas lojas existentes, um duty free fraquinho, algumas lojas com artefactos angolanos, havaianas, uma papelaria e uma loja de música, e, do nada, vejo algo totalmente inesperado -  abriu um airport spa, super em conta!!! No meu primeiro post tinha comentado o roubo que era uma simples manicure/pedicure, pois descobri o meu novo favourite spot para tal ahah dado o tempo que tinha para matar, aproveitei para um girly treat antes de embarcar, e não desiludiu, pelo contrário, melhor que muitos sítios a que já fui em Lisboa! Luanda sempre a surpreender!

 

O spa!

 

image.jpg

 

Na descolagem, ainda consegui vislumbrar perfeitamente a ilha do Mussulo 

IMG_5105.JPG

 

 

 

Tags:


2 comentários

Imagem de perfil

De marrocoseodestino a 18.10.2014 às 13:41

Fico à espera de mais fotos.
Bom fim de semana
Sem imagem de perfil

De sara.mandeiro a 21.10.2014 às 14:25

Ehehe 2horas para fazer 15km... ehehe realmente extraordinário! Estavas a merecer uma boa recompensa...esse spa vai ser um sucesso! :)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Instagram

view my food journey on zomato!



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D